segunda-feira, 18 de janeiro de 2010

*** Não bem,tão,quase ***

(...)Eu preciso muito muito de você, eu quero muito muito você aqui de vez em quando, nem que seja muito de vez em quando. Você nem precisa trazer maçãs, nem perguntar se estou melhor, você não precisa trazer nada, só você mesmo. Você nem precisa dizer alguma coisa no telefone, basta ligar e eu fico ouvindo o seu silêncio, juro como não peço mais que o seu silêncio do outro lado da linha ou do outro lado da porta ou do outro lado do muro. Mas eu preciso muito muito de você."



Caio F. Abreu




Boa semana a todos :)

5 comentários:

Joana Bia disse...

Caio FANTÁSTICO Abreu.

Adoro o q esse kra diz.

A Língua Nervosa disse...

a gente não sabe viver sozinho né?!
beijos

Rayana disse...

Caio F. Abreu eh mt bom!

bjo.

Luana Gabriela disse...

Porque tem dias que só um telefone tocando já diz alguma coisa. Caio F é perfeito, Sempre.


Bjos

Maria disse...

Acho fabuloso esse texto!